Trabalhadores exigem o respeito à vida; patrões precisam mudar seus paradigmas

O Sindicato dos Bancários e Financiários de Curitiba e Região e a Liderança do Partido dos Trabalhadores na Assembléia Legislativa do Paraná promovem na próxima quarta-feira, dia 07 de maio, uma audiência pública sobre segurança bancária.

Nos últimos meses é grande o número de assaltos nas imediações dos bancos, caixas automáticos, postos de atendimentos e agências.

Segundo o delegado da Delegacia de Araucária, Dr. Rubens Recalcatti, que mantém arquivo atualizado sobre o tema, no primeiro trimestre deste ano, houve 41 assaltos a clientes ao saírem dos bancos, 05 a caixas-automáticos e 06 roubos a agências bancárias em Curitiba e região metropolitana.

Os motivos que levam ao aumento da violência nos bancos e possíveis soluções serão debatidos por representantes das Secretarias Nacional e Estadual de Segurança Pública, Superintendência da Policia Federal no Paraná, COPE, Delegacia de Furtos e Roubos, Confederação Nacional dos Vigilantes, Confederação Nacional dos Trabalhadores do Ramo Financeiro, Sindicato dos Vigilantes de Curitiba e Sindicato das Empresas de Vigilância do Paraná, além de conselhos de seguranças e organizações de direitos humanos.

“Essa é uma excelente oportunidade para que autoridades e entidades discutam como melhorar a segurança tanto para os funcionários como para clientes e usuários dos bancos. Nosso foco é na proteção da vida e não apenas nos bens materiais”, afirma Marisa Stedile, presidenta do Sindicato dos Bancários e Financiários de Curitiba e Região.

A audiência pública será das 09 horas ao meio-dia, deste dia 07 de maio, no Plenarinho, da Assembléia Legislativa do Estado do Paraná, em Curitiba.

NOTÍCIA COLHIDA NO SÍTIO www.bancariosdecuritiba.org.br.

Escreva um comentário

Rua XV de novembro, 270, sala 510, Centro, Curitiba-PR, CEP 80020-310, Fone (41)-33229885, Fax (41)-33245636, fetec@fetecpr.org.br