Com a divulgação do balanço do quarto trimestre de 2020, o pagamento da segunda parcela da PLR (Participação nos Lucros e Resultados) para os bancários do Santander foi confirmado. O prazo previsto na CCT (Convenção Coletiva de Trabalho) para pagamento é 1º de março, mas o banco costuma realizar o crédito junto com os salários, que serão pagos no dia 26 de fevereiro. Também serão creditados o PPRS (Programa Próprio de Resultados do Santander) e a variável (PPE), para quem for elegível.

“É sempre importante ressaltar que a PLR – assim como suas regras, definidas em mesa de negociação, da mesma forma como acontece no PPRS – é uma conquista da mobilização dos bancários, a primeira categoria a ter assegurada a distribuição dos lucros em Convenção Coletiva de Trabalho, em 1995. Uma vez que as regras são definidas em negociação, para que tenhamos sempre melhorias em favor dos trabalhadores, responsáveis por construir o lucro dos bancos, é necessário o fortalecimento da nossa organização. Isso se dá com a sindicalização e participação nas mobilizações. Invista em quem te defende”, enfatiza a diretora do Sindicato de São Paulo e coordenadora da COE (Comissão de Organização dos Empregados) do Santander, Lucimara Malaquias.

Veja abaixo quanto será pago, de acordo com a faixa salarial, na segunda parcela (PLR CCT + PPRS):

 

 

 

 

 

 

 

 

O pagamento da PLR e da PPRS está garantido na sua integralidade mesmo para funcionários que se afastaram em 2020 por licença paternidade, maternidade, adoção, acidente de trabalho ou por doença. Entretanto, é necessário ter trabalhado ao menos um dia em 2020.

Clique aqui para saber mais.

Fonte: spbancarios

Escreva um comentário

Rua XV de novembro, 270, sala 510, Centro, Curitiba-PR, CEP 80020-310, Fone (41)-33229885, Fax (41)-33245636, fetec@fetecpr.org.br