Se depender dos senadores do Paraná, Bolsonaro não conseguirá indicar o filho para o cargo de embaixador.

A FETEC PR (Federação dos Bancários da CUT) entrou em contato com os três senadores do Paraná (via e-mail e posteriormente por telefone) solicitando qual o posicionamento dos senadores em relação à nomeação do Deputado Eduardo Bolsonaro como Embaixador nos Estados Unidos.

Seguem as manifestações:
“Apoio que as embaixadas sejam ocupadas por diplomatas de carreira do Itamaraty que são tecnicamente qualificados e preparados para exercer a diplomacia brasileira no exterior. O Instituto Rio Branco é uma escola de excelência respeitada internacionalmente como academia diplomática e deve ser prestigiado quanto à escolha dos nossos embaixadores.” Senador Flávio Arns.

“Senador Álvaro Dias é contra a indicação”. Senador Álvaro Dias.

Apesar das tentativas – o Senador Oriovisto Guimarães não respondeu.

 

Se a tendência dos senadores do Paraná se refletir nos demais estados o “número 2” não conseguirá o cargo. Salário embaixador é de R$ 68.000,00 por mês.
Fonte: Fetec PR

Escreva um comentário

Rua XV de novembro, 270, sala 510, Centro, Curitiba-PR, CEP 80020-310, Fone (41)-33229885, Fax (41)-33245636, fetec@fetecpr.org.br