Rua XV de novembro, 270, sala 510, Centro, Curitiba-PR, CEP 80020-310, Fone (41)-33229885, Fax (41)-33245636, fetec@fetecpr.org.br
 
 
publicado em 14 de Março de 2019 às 14:15:
Roda de Conversa debateu Reforma Tributária necessária

Encontro aconteceu no dia 12 de março, com a presença da contadora Bianca Valoski, no Espaço Cultural do Sindicato dos Bancários de Curitiba e região.

No último dia 12, o Sindicato dos Bancários e Financiários de Curitiba e região promoveu a primeira edição do ano da Roda de Conversa. O encontro foi sobre a Reforma Tributária que o Brasil precisa e contou com a participação da contadora Bianca Valoski, controladora interna da Câmara Municipal de São José dos Pinhais e membro do Conselho de Administração da Previdência do mesmo município.

Ao longo da conversa, Bianca dialogou com os participantes sobre qual seria um modelo tributário mais adequado para o País, baseando-se no documento A Reforma Tributária Necessária – Justiça fiscal é possível: subsídios para o debate democrático sobre o novo desenho da tributação brasileira, elaborado pela Associação Nacional dos Auditores-Fiscais da Receita Federal do Brasil (Anfip) e Federação Nacional do Fisco Estadual e Distrital (Fenafisco).

A contadora apresentou as principais características e distorções do atual sistema tributário brasileiro, além fazer de uma breve comparação com os modelos de outros países. “Ao longo dos últimos anos, o debate no Baasil tem sido pautado na simplificação tributária e redução da carga. Via de regra, as mudanças no sistema tributário têm sido propostas no sentido de reduzir os tributos que recaem sobre o setor produtivo – tema importante para o desenvolvimento, mas não suficiente para a promoção de crescimento inclusivo em função de uma sociedade mais justa. Tem-se buscado eficiência, mas sem equidade”, resume.

“O Brasil não é um país comum na questão tributária. Entre países de características econômicas parecidas, o destaque está na carga tributária maior (que permite ampla cobertura de políticas sociais), ao mesmo tempo que se tratam de tributos mais progressivos. Tal característica joga contra a redução das desigualdades e a própria produtividade da economia”, acrescenta Bianca Valoski.

Confira a transmissão ao vivo da apresentação realizada por ela

Fonte: SEEB Curitiba

deixe seu comentário

 
últimas notícias
23 de Maio de 2019
  O que é uma Startup?
22 de Maio de 2019
  Em meio à crise, quatro grandes bancos lucram R$ 20,85 bilhões
17 de Maio de 2019
  Financeiras: Patrões querem negociar trabalho aos finais de semana
14 de Maio de 2019
  Governo Bolsonaro acaba com normas de saúde e segurança que protegem trabalhador
14 de Maio de 2019
  Governo prepara armadilha para endividar idoso que tem casa própria
  © Copyright 2011. Todos os direitos reservados.
WebmaniaBR® - Ideias em códigos