No início da semana, o Santander anunciou que iria estender até às 16h o atendimento gerencial nas agências, o que gerou muita insatisfação entre os trabalhadores. Na conversa com o RH sindicais, o banco alegou que a medida visava melhorar o fluxo, devido ao aumento da demanda por este tipo de atendimento, o que estava gerando aglomerações nas unidades bancárias.

“Ressaltamos que, desde o início da pandemia, o Sindicato tem cobrado a redução do horário de atendimento para diminuir o tempo de exposição dos trabalhadores ao coronavírus. Observamos também que não é a extensão do horário de atendimento que melhoraria o fluxo, e sim mais contratações de funcionários para dar conta do trabalho”, informou Lucimara Malaquias, coordenadora da Comissão de Organização dos Empregados do Santander.

Em todo o Brasil, os trabalhadores mostraram muita indignação com esta mudança do Santander – o único banco que faria a extensão do horário de atendimento, de maneira unilateral.

No final da tarde desta quarta-feira 23, as agências começaram a receber comunicado informando que o Santander reviu a decisão e manterá o atendimento gerencial até às 14h, por tempo indeterminado.

Fonte: SP Bancários

Escreva um comentário

Rua XV de novembro, 270, sala 510, Centro, Curitiba-PR, CEP 80020-310, Fone (41)-33229885, Fax (41)-33245636, fetec@fetecpr.org.br