O presidente do Sindicato de Apucarana, José Roberto Brasileiro, e o diretor Damião Rodrigues se reuniram no último dia 2 de agosto com o representante da Gerência Regional do Bradesco em Maringá, Adriano Melo Rosa, para discutir demandas das unidades do banco localizadas na base territorial da entidade.

Um dos assuntos abordados foi a adequação do quadro de funcionários na agência de São Pedro do Ivaí, pois a dotação atual não é suficiente para atender clientes e usuários, acarretando problemas nas condições de trabalho. “Solicitamos contratações ou remanejamentos para regularizar a situação desta agência, que tem apenas três funcionários para dar conta do atendimento aos clientes, usuários e aposentados”, relata Brasileiro.

Na ocasião, segundo ele, também foi discutida a falta de segurança na agência de São João do Ivaí, situação que deixa bancários, vigilantes e clientes largados à própria sorte. Para impedir a ação de assaltantes de banco, foi cobrada do Bradesco a instalação de porta com detector de metais.

“Também aproveitamos este encontro com a Regional para debater questões a saúde dos trabalhadores, pressões pelo cumprimento de metas e outras questões gerais levantadas nas unidades que estão sob responsabilidade da Regional de Maringá”, aponta o presidente do Sindicato de Apucarana.

O representante do banco disse que as demandas levantadas pelos diretores da entidade serão encaminhadas às áreas responsáveis para posterior posicionamento.

 

Por Armando Duarte Jr.
Vida Bancária

 

Escreva um comentário

Rua XV de novembro, 270, sala 510, Centro, Curitiba-PR, CEP 80020-310, Fone (41)-33229885, Fax (41)-33245636, fetec@fetecpr.org.br