[email protected] | (41) 3322-9885 | (41) 3324-5636

Por 09:08 Sem categoria

CUT terá atos em todo o Paraná neste 1º de maio

Dia do trabalhador e da trabalhadora será lembrado em todas as regiões do Estado

 

A Central Única dos Trabalhadores do Paraná (CUT-PR) está organizando atos em todas as regiões do Estado para lembrar o Dia do Trabalhador e da Trabalhadora. As atividades acontecerão de norte à sul com diferentes atividades, mas com o mesmo enfoque, o fortalecimento da luta da classe trabalhadora.

“O dia 1º de maio, essencialmente, é um dia de luta. É um dia para reforçarmos a nossa unidade, lembrarmos dos grandes desafios que superamos e nos prepararmos para o enfrentamento dos ataques recentes que temos sofrido”, explica a presidenta da CUT Paraná, Regina Cruz.

Em Ponta Grossa, na região dos Campos Gerais, as atividades começam a partir das 8h30 com a programação do Sindicato dos Metalúrgicos da cidade e segue até às 18h. Essa será a 17ª festa promovido pelo MetalUrgente que já tornou-se tradição na região.

Em Curitiba, a CUT participará da programação desenvolvida em parceria com os movimentos sociais. A concentração será na Rua Primeiro de Maio, esquina com a Linha Verde, na BR 116 a partir das 8h. Depois uma aula pública explicará a origem do 1º de maio para na sequência uma caminhada que será realizada até a Paróquia São Padro Apostolo.

Durante o ato serão lembrados os ataques à Petrobrás, aos direitos dos trabalhadores com o PL 4.330 que escancara as terceirizações, além da defesa da reforma política com fim do financiamento empresarial de campanhas e a defesa da democratização da comunicação.

Em Maringá, na região Noroeste, uma série de atividades estão sendo organizadas. O Sismmar realizará uma atividade na Associação dos Funcionários Municipais de Maringá a partir das 10h. A APP-Sindicato, por sua vez, fará um jantar comemorativo. Outros sindicatos também realizarão ações e atos na cidade.

Em Umuarama, também na região Noroeste, a Regional da CUT promoverá um show com a banda Garrafão, a partir das 20h30 na Praça Santos Dumont.

Na região sudoeste do Estado os agricultores familiares farão uma defesa do projeto de sociedade idealizado pela classe trabalhadora. A pauta específica da categoria também terá destaque.

Em Londrina, será realizada uma vigília com os movimentos sociais nesta quinta-feira (30) no calçadão da cidade das 9h às 18h, quando os trabalhadores seguirão em marcha até a Concha Acústica da cidade. O mote principal serão os ataques aos direitos dos trabalhadores, a defesa da reforma política e a contrariedade com a redução da maioridade penal.

Fonte: CUT Paraná

Close